quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Raspberry Pi passou de 10 milhões de unidades vendidas e fundação anuncia novo kit


Após 4 anos a Fundação Raspberry Pi comemora o marco de 10 milhões de unidades vendidas do Raspberry Pi.

Com uma placa em que 1000 unidades eram esperadas em sua venda, tem motivos de sobra para comemorarem. Não havia uma expectativa de atingir um grande público, sua ideia era incentivar e ajudar crianças a aprenderem computação. A ideia original continua mas o público não se restringiu a esse.

Logo no seu lançamento, a pré venda fez com que os servidores viessem abaixo. Inicialmente foram 100 mil unidades confirmadas pelo fornecedor e algumas pessoas demoraram até 6 meses pra receber sua placa. Após 1 ano de seu lançamento foi atingida a marca de 1 milhão de unidades. No marco de 3 milhões a fundação apresentava sua placa à rainha Elizabeth II no Palácio de Buckingham.

Ao passar dos 5 milhões de unidades, se tornou o computador mais vendido em um curto espaço de tempo no Reino Unido. A quantidade de acessos no site oficial ao lançamento do Raspberry Pi 2 fez com que o mesmo caísse. Três meses depois haviam sido vendidos mais 1 milhão de Raspberry Pi's, atingindo a marca de 6 milhões. Mais 4 meses depois e a marca de 7 milhões era atingida. No lançamento do Raspberry Pi 3 foi informado a marca de 8 milhões, batendo as vendas do antigo computador Amstrad.

Nesses 4 anos a fundação além da criação de outros modelos como o Compute Module, Raspberry Pi 2B, Raspberry Pi 3B, Raspberry Pi Zero, também lançou acessórios, entre eles câmeras, tela touch oficial de 7", a expansão Sense HAT e case oficial.

O Raspberry Pi também foi ao espaço por meio do projeto AstroPi. Um grande projeto para o ramo educacional do país.

Uma curiosidade é que o governo do Reino Unido rejeitou financiar a criação do Raspberry Pi anos antes do seu lançamento. Apesar disso hoje há um grande reconhecimento ao seu criador e a fundação Raspberry Pi. Esse ano Eben Upton recebeu inclusive uma honraria real britânica.

É claro que nem tudo são flores. Houve ao menos um problema de design no primeiro modelo (revisão 1, referente à um consumo maior em algumas placas) e o caso curioso do flash (luz) no Raspberry Pi 2 que o fazia travar, desligar ou reiniciar, algo que foi coberto com detalhes aqui (vale a leitura).

Eben cogitou também que o Raspberry Pi 2B poderia ter sido mais caro, mas Eric Schmidt (Google) o influenciou a mudar de ideia.

Raspberry Pi Starter Kit


Em comemoração aos 10 milhões a fundação acaba de lançar um kit Raspberry Pi.


Ele inclui um Raspberry Pi 3 e vários acessórios:

  • Raspberry Pi 3 Modelo B
  • MicroSD de 8GB NOOBs
  • Case oficial
  • Fonte oficial de 2.5A com conectores para diversos países.
  • Cabo HDMI oficial
  • Teclado e mouse
  • Uma cópia do livro Adventures in Raspberry Pi Foundation Edition

O kit custa oficialmente £99 (R$420,91) mais impostos e está disponível por enquanto na element14 e RS Components.

Segue abaixo o vídeo (timelapse) do unboxing feito pelo pessoal da Wired:



É bom lembrar que, a Fundação Raspberry Pi é uma instituição de caridade (registro 1129409, mas existe uma empresa subsidiária à parte para lidar com a parte comercial: Raspberry Pi (Trading) Ltd), portanto todos os ganhos voltam para sua missão educacional, pesquisa e desenvolvimento. Há treinamento de professores, doação de Raspberry Pi's à escolas, ajuda no desenvolvimento de projetos como Kodi, PyPy, Scratch, Libav, Pixman, Wayland, Webkit, KiCad entre outros.

Os ganhos também gerados indiretamente são muitos, empresas relacionadas, empregos foram criados, assim como diversas pessoas no mundo que se beneficiam aprendendo e desenvolvendo. Sem ele esse blog nem existiria.

Nosso parabéns à Fundação Raspberry Pi e a todos os envolvidos que tornaram isso possível.

Fonte: https://www.raspberrypi.org/blog/ten-millionth-raspberry-pi-new-kit/

Nenhum comentário:

Postar um comentário