terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Raspberry Pi traz processamento e conectividade à espectrômetro feito em impressora 3D


Um espectrômetro é um instrumento capaz de analisar materiais e identificar seus elementos.

Batizado de ramanPi(baseado na técnica Raman), o espectrômetro construído por fl@c@ para o Hackaday Prize utiliza uma impressora 3D para construção de grande parte de suas peças, utiliza um Raspberry Pi, Arduino, laser e diversas outras peças encontradas "facilmente".

Os logs e descrições do projeto são gigantescos. As metas de design do projeto eram as seguintes:

1. Ser open source( obs: o projeto e tudo mais que fosse possível, pois claramente alguns dispositivos não o são ).
2. Poder ser criado em uma impressora 3D.
3. Modular e facilmente atualizável.
4. Ser facilmente construído na medida do possível( mas o projeto foi bem trabalhoso).
5. Fácil de ser customizado e aberto a melhorias.
6. Usar peças facilmente encontráveis o máximo possível.
7. Ter uma interface remota controlável de qualquer local.
8. Comparar o espectro com banco de dados de espectros na internet.
9. Ter a capacidade de criar logs para bancos de dados remotos.
10. Não ser somente outro espectrômetro open source.
11. Ser intuitivo e fácil de utilizar;
12. Ser atrativo com um design elegante.
13. Ser útil.

O uso do Raspberry Pi nesse projeto tem diversas frentes, as principais são: Prover a conexão à internet para acessar as bases de dados de espectros; Realizar a captura dos dados vindos do CCD para processamento; Prover um servidor acessível por outros computadores para análise dos dados por um programa cliente ou pelo browser.

Interface cliente
Interface cliente

Interface no navegador
Interface no navegador

Apesar de alguns problemas citados em relação a impressora 3D, seu trabalho, desde projeto a construção parece magnífico.

Peças impressas em 3D
Peças impressas em 3D

Espectrômetro
Espectrômetro

Espectrômetro
Espectrômetro





Eu não encontrei um valor exato para o custo total do projeto, mas levando em conta essa lista de materiais o gasto foi no mínimo US$1214,50, nada mal para um produto que comercialmente custa mais de US$100000.

Todas as fotos e passos do projeto podem ser vistos aqui.

Fontes:
http://www.raspberrypi.org/ramanpi/
http://hackaday.io/project/1279-ramanpi-raman-spectrometer

Nenhum comentário:

Postar um comentário