sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Serviço postal de Portugal passa a utilizar Raspberry Pi

[Atualização] Caso queira saber o que aconteceu com as imagens e vídeo vá para o final do post.

Cada vez mais o Raspberry Pi passa a ser usado em sistemas industriais, aquela plaquinha que parecia somente um brinquedo, que foi trazida a nós com objetivo de ensinar, não quer mais somente dividir o espaço em escolas e casas pelo mundo afora. A explosão nas vendas, nos usos, nos projetos, foram bem além do que os criadores um dia planejaram.

Mais uma vez outro projeto profissional em Portugal vem nos mostrar o potencial do Raspberry Pi.

Daniel Ramos da Wolfd.com , uma empresa de desenvolvimento e pesquisa, veio a público demonstrar um grande projeto utilizando Raspberry Pi no sistema Postal de Portugal.

Tendo trabalhado com o Raspberry Pi já a cerca de um ano, Daniel cita que a robustez lhe impressiona apesar do foco educacional.

As maquinas de ordenação que totalizam 25 metros, utilizam antigos displays LCD para notificações, que já vinham apresentando diversos defeitos e decidiram que estava na hora de uma atualização. A visualização também era precária pelo tamanho e distância dos LCDs.








Todo os 24 LCDs foram substituídos por grandes telas de LCD TFT que por trás rodam cada uma um Raspberry Pi. As informações são obtidas através da rede, utilizando softwares escritos em Python em conjunto com o módulo Pygame.




Abaixo um vídeo publicado pelo próprio Daniel em que mostra o boot de todos os 24 Raspberry Pi's.




Referência e fotos:
http://www.raspberrypi.org/archives/5506

Atualização: O post misteriosamente sumiu do site raspberrypi.org, estou aguardando mais informações.

Atualização [2]: Segundo a Liz, a publicação das informações não haviam sido liberadas pelo chefe de Daniel, ele irá conversar com ele em breve para tentar conseguir a liberação.

Atualização [3]: Daniel removeu o vídeo do Youtube, as imagens desse post(que não me pertencem) ficarão offline até um possível retorno de Daniel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário